AO VIVO
Menu
Busca terça, 21 de setembro de 2021
Busca
Rio de Janeiro
35ºmax
21ºmin
Correios Celular - Mobile
coluna

Prévia da inflação de aluguel tem alta expressiva

Dia-a-dia da economia

19 setembro 2020 - 06h00Por Reinaldo Cafeo
Prévia da inflação de aluguel tem alta expressiva

A prévia do IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado) de setembro, calculado pela Fundação Getúlio Vargas, disparou atingindo 4,57%. Com este patamar o índice acumula 18,20% em 12 meses. Se comparado com a inflação oficial, este índice de preços representa praticamente 9 vezes a mais. 

Tendo em sua metodologia de cálculo 60% de peso do Índice de Preços no Atacado (IPA), o IGP-M é o preferido para os proprietários de aluguel, tanto comercial como residencial, e ainda é indexador de muitos empréstimos bancários na modalidade pós-fixada. Reajustar contratos neste patamar está completamente fora de qualquer realidade, tanto de renda das famílias como de receita das empresas. 

Fica evidente esta distorção quando analisamos por índice: IPA subiu 6,36% no período. Já o índice de Preços ao Consumidor (IPC), com peso de 30%, apresentou alta de 0,38%, alinhado com o índice oficial de inflação ao consumidor, o IPCA, que apresentou elevação de 0,24% em agosto. Os 10% restantes do IGP-M é o Índice Nacional da Construção Civil (INCC) que apresentou alta de 0,98% no período.

Os preços das matérias-primas brutas estão elevados atingindo, na média, alta de 5,6%, puxadas pelas commodities (+17,01%), soja (+) 12,53% entre outras.

A prévia neste patamar é a sinalização que o IGP-M será elevado no mês fechado de agosto. Comemoram os credores, lamentam os devedores.